Discernimento para o Núcleo

  • A pessoa precisa identificar o chamado de Deus para fazer parte da Comunidade;

Toda vocação cristã vem de Deus, é dom divino. O primeiro critério do discernimento é a identificação do chamado do Senhor” (Documento da Pontifícia Obra para as Vocações Eclesiásticas: Nova Vocação para uma nova Europa).

  • A pessoa que se sente chamada à Comunidade Canção Nova, precisa ter tido o seu encontro pessoal com Jesus no mínimo há três anos;

 “A missão da Comunidade Canção Nova é evangelizar, comunicar Jesus e a vida nova que Ele veio trazer” (Estatuto Canônico).

  • A pessoa precisa participar da sua Comunidade Paroquial, no mínimo há dois anos. Ex: Catequese, Pastorais ou Movimentos;

“A Comunidade Canção Nova, como associação de fiéis cristãos, cultive e aprofunde, portanto sua pertença e inteira comunhão com a Igreja Católica” (Estatuto Canônico).

  • A pessoa deve ter tido o seu batismo no Espírito Santo, no qual se inicia a vivência da experiência dos dons carismáticos com a Renovação Carismática Católica (RCC);

“O carisma Canção Nova só se realiza quando somos carismáticos, e não existe outra maneira de realizá-lo” (Nossos Documentos, Vol. 02).

  • A pessoa precisa trabalhar, responsabilizando-se pelo seu sustento.

“Somos profissionais do Evangelho. É por isto que o ser trabalhador torna-se uma característica fundamental na Canção Nova” (Nossos Documentos – Vol. 01).

  • A idade para iniciar o caminho é de 18 a 28 anos, ser solteiro (a) e sem filhos;

“Para vivenciar o novo que a Canção Nova traz em si, é preciso ter um espírito jovem, e a juventude da idade se ajusta bem a isso pela ausência de uma mentalidade, estrutura de vida e compromissos já fixados e enrijecidos” (Nossos Documentos – Vol. 01).

  • É necessário ter concluído o ensino médio;

“Somos uma comunidade de vida apostólica, assumimos e desempenhamos os vários trabalhos por causa da Missão. Estudamos, nos aperfeiçoamos em vista dessa Missão” (Nossos Documentos – Vol. 01).

  • A pessoa precisa viver a castidade e buscar maturidade e equilíbrio afetivo e sexual;

“O nosso primeiro chamado é viver em Comunidade. Todos têm necessidade do amor puro de seus irmãos para o seu equilíbrio afetivo” (Nossos Documentos –Vol. 1). “Castidade é uma virtude moral. É também um dom de Deus. O Espírito Santo concede este dom de imitar a pureza de Cristo àquele que foi regenerado pela água do Batismo”. (CIC 2345) 

  • A pessoa precisa ter uma vida de oração, cultivando o seu relacionamento com Deus;

”Espiritualidade é o nosso relacionamento com Deus”. (Nossos Documentos Vol. 1)“A nossa vida de oração deve ser a de Jesus. Jesus que se entregou totalmente ao anúncio do Evangelho orava sem cessar, buscando ocasiões para entrar em profunda intimidade com o Pai.” (Nossos Documentos Vol. 2).

  • Para um bom discernimento vocacional a pessoa não pode estar comprometida em um relacionamento amoroso.

“Quem estava disposto a deixar sua família, estudos, trabalho e até mesmo namoro, para viver em comunidade?”. Era realmente um desafio. Mais uma vez me surpreendi: um grupo grande de rapazes e moças aceitou. Em fevereiro de 1978, começávamos a experiência de viver em comunidade  (Nossos Documentos Vol. 1).

  • Antes de iniciar o caminho vocacional, a pessoa deve procurar conhecer, pessoalmente, a Comunidade Canção Nova, sua Sede em Cachoeira Paulista-SP ou uma de nossas frentes de missão;

“O conhecimento é a base para um bom discernimento vocacional. Para haver um contato mais aprofundado com a comunidade e seu carisma é muito importante a aproximação com uma das nossas Frentes de Missão”.